domingo, 15 de fevereiro de 2015

Obrigada, meus queridos!


Apetece-me, para além de partilhar esta fotografia,  escrever algo sobre estes meninos - meus netos -, mas que dizer que não tenha já repetido milhares de vezes? Não quero cair no ridículo dos lugares comuns assentes na beleza, educação, tranquilidade, amor...
Assim, vou só dizer  que lhes agradeço muito por existirem e que são eles os grandes responsáveis por me fazerem ver a vida com uns óculos mais dourados e vivê-la duma forma mais intensa e alegre.
Obrigada, meus queridos!!!