sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Novembro espreita...

Novembro está aí! Temos de lhe abrir a porta! Impensável não fazê-lo... O calendário não permitiria... Não é de todo o meu mês de eleição, mas vou recebê-lo de bom grado e pedir-lhe que agarre a bonomia que se fez sentir neste Outubro que ora termina.
Bem sei que não será muito provável o bom tempo... mas quem sabe  não vamos ser surpreendidos  pela positiva?!
Ok! A chuva faz falta! E se o sol continuasse a iluminar os nossos dias ficando a chuva reservada somente para as noites??
Sonhar é fácil e só faz bem à alma!!  Sonhemos então...
Com bom tempo ou chuva, frio ou vento, aproveitemos tudo o que de bom Novembro tem para nos dar e vivamos cada dia e cada momento com intensidade. Oxalá, o seu "saco"  venha recheado de muitos e bons motivos que nos façam sorrir em cada um dos seus dias!

Para já, um feliz SÃO MARTINHO para todos vós!

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Pequenos/grandes diálogos...

- Amor, sabes que a avó gosta muito de ti?
- Sei, avó!... A avó já me disse IMENSAS vezes! ...

Foi esta maravilhosa resposta que obtive do meu neto Vicente à pergunta que lhe fiz. Exactamente a que eu mais desejava ouvir.
Por vezes, a importância dos diálogos com crianças não está na quantidade de palavras proferidas mas no peso que  podem ter no  harmonioso desenvolvimento dessas mesmas crianças.

domingo, 12 de outubro de 2014

"Magia ao Luar"


Uma comédia romântica de Woody Allen com uma boa cenografia, um bom figurino e um elenco de excelência, com   bons desempenhos de actores como Colin Firth, Emma Stone, Antónia Clarke, Natasha Andrews entre outros... 
O destaque, quanto a mim, vai para a interpretação de Colin Firth no papel de um célebre médium chinés ...Wei Ling Soo,  um dos mais célebres mágicos da sua época conhecido pelos seus números espectaculares e perito em desmascarar pseudo  médiuns. Um homem muito pragmático até que conhece Sophie (Emma Stone), uma suposta médium, que ele tenta desmascarar, mas que acaba por deixá-lo absolutamente baralhado e o leva à descoberta de um mundo totalmente novo e cheio de mistérios... ou não se tivesse deixado  seduzir pela franqueza e encanto de Sophie... 
Muito interessante o argumento do filme, que conta com ingredientes como : a magia, o amor, o dinheiro, a fé; o pragmatismo; os mistérios da vida...

Vi, gostei e recomendo! Um envolvente filme de Woody Allen! Para ver...

terça-feira, 7 de outubro de 2014

Amor incondicional...


este que sinto pelos meus netos. 
Incondicional, indefinível, indecifrável, desinteressado, complacente, bonito, amigo, gostoso...
Que me faz amar mais a vida a cada dia que passa.
Netos que os meus olhos  vêem  mais lindos momento após momento!
Um amor que me leva a pedir a Deus que prolongue o meu tempo neste lugar. 
Que me faz querer vê-los crescidos... com o desejo de que se mantenham crianças durante muito tempo (quase ridículo... crescer rápido, mas manter-se criança ...será isto possível?)
Que faz de mim uma avó babada e orgulhosa!
Que me faz escrever - e partilhar - estas quase "lamechices" sem qualquer receio...

O amor - neste caso, o amor que se dá e se recebe dos netos - é inquestionavelmente maravilhoso!...
É assim o amor!! Nos suas mais diversas formas ou... cores!