segunda-feira, 31 de março de 2014

Este mar que eu amo...

Não fosse o frio e ficaria sentada, em silêncio,  nesta praia de areia fina e dourada, numa longa contemplação a  este mar imenso, de cor azul a rondar o translúcido. 

É o mar que eu amo, o mar que me faz recuar à infância e me transmite - como só ele o sabe fazer - uma paz e tranquilidade únicas.

As gaivotas que, de asas ao vento, sobrevoam a costa quando o Sol, ao esconder-se no horizonte, a deixa cromaticamente mais bela,  completam e tornam ainda mais apetecível este puzzle panorâmico algarvio .