quarta-feira, 25 de julho de 2012

Homenagem...


Só umas breves palavras para assinalar uma data muito importante na vida da colega e amiga Teresa Costa.
Foi uma noite muito agradável e emotiva, onde se respirou o calor humano e se sentiu uma enorme cumplicidade entre todos os que se  juntaram no Restaurante "A Escola" - que outrora foi mesmo uma escola onde a Teresa lecionou - para a homenagear no seu final de carreira.
Muito recetiva, sensível como é, sempre foi e continuará a ser, e apanhada de surpresa, a Teresa não conseguiu escamotear as emoções, espelhando nos seus olhos muita alegria e felicidade.
Após um suculento repasto, num pequeno discurso improvisado, mas muito sentido, a nossa homenageada agradeceu a presença e o carinho dos colegas, amigos e familiares e fez uma retrospetiva da sua já longa carreira, que agora cessa para dar lugar  a uma não menos importante e bonita fase da sua vida - a da aposentação.
Discurso este antecedido pelo do seu colega Eduardo Costa, com quem trabalhou em parceria e que  muito bem a conhece, dado que é também seu marido.
Conhecendo-a eu como a conheço, reitero as elogiosas palavras que o Eduardo usou e que tão bem a caracterizam.
Na verdade, estamos perante uma mulher com um enorme coração, muito amiga do seu amigo, muitíssimo trabalhadora, exigente quanto baste (o que para alguns não é, de todo, agradável), muito empenhada, extremamente solidária e abnegada...
São estas, algumas das suas muitas qualidades que fazem desta mulher um grande ser humano.

Recordo com alguma nostalgia os anos em que trabalhámos juntas. Trabalhámos muito!! E... voltámos a estudar - depois de ultrapassada a meta dos 45 anos - para aprender a "melhor ensinar".

Uma carreira bonita, nem por isso fácil, mas muito reconfortante!!

As maratonas ganham-se... ou perdem-se!
Esta, tu já ganhaste Teresa! MUITOS PARABÉNS!
Outras virão! Força e garra não te faltam para as ganhares também.

FELICIDADES e... OBRIGADA porque ousaste, um dia, ser minha amiga!!

                        Vitória