sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Outono... convite à reflexão!





 
Este tempo de Outono, em que os dias, tal como o de hoje, começam a ficar mais cinzentos e tristes, o sol se esconde atrás das nuvens, a chuva cai com leveza e o frio nos espreita de mansinho,  traz-me sempre muita calma e tranquilidade, mas também uma certa monotonia e... nostalgia, que me convidam à reflexão. 
Navegando pela net , detive-me em Shakespeare e, porque em consonância com alguns dos que terão sido os seus desabafos, aqui  partilho estes  que  poderiam ser  meus, se eu tivesse, tal como ele, o dom de transmitir poeticamente o que me vai na alma.


Depois de algum tempo, você aprende a diferença
A subtil diferença entre dar uma mão e acorrentar uma alma,
E você aprende que amar não é apoiar-se
E que companhia nem sempre significa segurança.
Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido,
O mundo não para para que você o conserte.
Aprende que o tempo é algo que não pode voltar para trás,
Portanto, plante seu jardim e decore sua alma,
Ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.
E você aprende que a vida realmente tem valor,
E que você tem valor diante da vida.
E você finalmente aprende que nossas dúvidas são traidoras
E nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar,
Se não fosse o medo de tentar...
                           William Shakespeare