segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Celebração do amor e da vida!

Haverá melhor maneira de acordar do que ao som dos chilreios de um casal de pássaros que se decidiu pela construção do seu ninho no quintal cá de casa? Pois... acordei, espreitei pela janela e dei com aquele movimento - eram dois - no meu quintal, esvoaçando alegremente junto ao limoeiro.
 
Fiquei satisfeita e - não desconfiando sequer do verdadeiro motivo que os fazia andar por ali - pensei p'rós meus botões:
- Meu Deus, até os  passarinhos fazem questão de me lembrar que a primavera não vai demorar trazendo consigo o tempo ameno, o sol, a luz, os jardins floridos, as suas cores e aromas tão característicos ...e de que tanto gosto!?
 
Alguma emoção se apoderou de mim quando, ao deslocar-me ao quintal, dei conta de que os ditos passarinhos - um casal de melros - havia  começado a construir o seu ninho de amor numa forquilha formada por dois galhos do limoeiro!!
 
Desde então, tenho acompanhado este projeto com a subtileza que os seus  intervenientes merecem. O ninho cresce a olhos vistos todos os dias. E  é ver a azáfama,  a alegria e a partilha daquele casal que se prepara para a celebração do amor e da vida!

O meu neto Vi anda delirante e encantado! E encantada ando eu também!


O ninho em construção

Melro preto de bico amarelo